segunda-feira, 28 de maio de 2007


Gaúchos ganham projeto de lei inédito na área da cultura Programa Tempo Bom para a Cultura

Paulo Borges protocolou a criação do Programa Tempo Bom para a Cultura (PL 90 2007), vinculado ao Fundo de Apoio à Cultura do Estado do Rio Grande do Sul – FAC/RS. O projeto visa destinar cerca de 400 mil anuais para financiar projetos de artistas independentes da música, do cinema, do teatro, da literatura e das artes em geral.
"Entendemos que a criação regional, a oportunidade aos artistas independentes e a formação de nossas crianças e jovens também constituem parcela importante na promoção da imagem do Estado", defende o parlamentar.
Com o projeto, Paulo Borges quer reafirmar o dever dos Estados de instituírem políticas necessárias à proteção e promoção das expressões culturais e movimentar a vida artística do Rio Grande do Sul.

"Cultura e Educação andam de mãos dadas"


A intenção do deputado é proporcionar 30 % do material produzido (cds, livros, produção audiovisual, entre outros) às escolas e instituições públicas, de forma a facilitar e incentivar a leitura e o conhecimento das artes contemporâneas do Estado. "Cultura e Educação andam de mãos dadas. Queremos que o projeto seja um instrumento para o desenvolvimento do potencial intelectual do povo gaúcho", diz Borges

Um comentário:

. disse...

Simplesmente perfeito o texto.
Mostra a indignação que todos nós, gaúchos, gremistas ou não, sentimos ao escutar tais barbáries.







Parabéns.