sexta-feira, 1 de junho de 2007


Dia Nacional da Imprensa


Hoje - 1º de junho, Dia Nacional da Imprensa - devemos reforçar a defesa da liberdade de imprensa no Brasil e, fundamentalmente, seu compromisso com a população.Da mesma forma que os médicos têm a função de cuidar da saúde da nação, a responsabilidade da imprensa expressa muito mais do que informar e divulgar fatos. A imprensa difundi conhecimentos, dissemina a cultura, ilumina as consciências e canalizar as aspirações da sociedade.

Enfim, a imprensa deve agir na busca do bem e da verdade. Para tanto, é preciso, liberdade de expressão e manifestação de pensamento, pois, a imprensa tem o dever de informar e a população o direito de ser informado. A imprensa livre é a interprete da opinião pública e orientadora do destino dos povos.

Os profissionais da imprensa trabalham diariamente com relacionamentos humanos. E todos os seres humanos são membros ativos e livres de uma comunidade, influenciados pela ação dos demais, onde a responsabilidade é uma necessidade recíproca. Os jornalistas têm suas atitudes baseadas na função que os meios de informação exercem na busca da Democracia e da Justiça na sociedade.

A partir daí a imprensa estabelece seus atos, enquanto operadora do jornalismo, e compromete-se com os direitos garantidos por nossa Constituição e pela Declaração Universal dos Direitos Humanos .

Sem o ciclo das informações não há jornalismo, e sem jornalismo não há imprensa, não há democracia e muito menos liberdade.

Deputado Estadual Paulo Borges

Um comentário:

João César disse...

Parabéns!!!!!!!!!